O que esperava de 2013?

Dedos-cruzados

Sempre me pergunto durante a virada do ano,

O que mais me seria importante quando o próximo chegar,

Mas o mais interessante de todos as tentativas,

É que apesar de tudo não consigo acertar.

Teve ano que apostei que acharia o amor,

Poderia até ter achado caso nao tivesse sido dominado,

Por uma timidez que durou por muito tempo,

E que só terminou quando o momento certo era chegado.

Teve ano que apostei que seria um computador,

Mas foi uma promessa longíqua que nao se cumpria,

Mas isso nao me afastou dele, sempre estava lá,

Porém o ruim é que não o possuia.

Teve ano que apostei que entraria na faculdade,

Mas o vestibular havia me passado uma rasteira,

Mas tudo acontece, cedo ou tarde,

Entrei na faculdade sim, mas não de primeira.

Teve ano que apostei que estaria dirigindo,

Mas isso foi um caso a parte, uma particularidade,

Apesar de ter que fazer alguns retestes,

Só consegui essa façanha bem mais tarde.

Teve ano que apostei em casamento,

Outro plano que mais tarde se realizou,

Porque é uma via tribulosa, confusa,

Que só com o SIM se finalizou.

Ano passado apostei em um herdeiro,

 E não demorou dois meses a se confirmar,

Ja me deu um dos momentos mais felizes da vida,

E me mostrou que vale a pena apostar.

Everton Felipe

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s